Добро пожаловать
Вход / Регистрация

O VENTO GELADO DO CORAÇÃO DE PLUTÃO | SPACE TODAY TV EP2113

Спасибо! Поделитесь с друзьями!

URL

Вам не понравилось видео. Спасибо за то что поделились своим мнением!

К сожалению, только зарегистрированные пользователи могут создавать списки воспроизведения.
URL


Добавлено от Admin В Фантастика про космос
1 Просмотры

Описание

VENHA PARTICIPAR DO CURSO DE ASTRONOMIA DO SPACE TODAY E GANHE O KIT DO ALUNO ATÉ DIA 10 DE FEVEREIRO

http://academyspace.com.br/bigbang

-----------------------------------------------------

ASSISTA O VÍDEO DA NED:

https://www.youtube.com/watch?v=ywmXvsHBBp4

--------------------------------------------------------------------

VISITE A LOJA DO SPACETODAY:

https://www.spacetodaystore.com

--------------------------------------------------------------------

SEJA MEMBRO DO SPACE TODAY E AJUDE COM A CRIAÇÃO DE CONTEÚDO SÉRIA NA ÁREA DE ASTRONOMIA:

https://www.patreon.com/spacetoday

https://apoia.se/spacetoday

https://www.youtube.com/channel/UC_Fk7hHbl7vv_7K8tYqJd5A/join

--------------------------------------------------------------------

Antes de mais nada, PARABÉNS CLYDE TOMBAUGH!!!

Antes da sonda New Horizons passar por Plutão em 2015, todo mundo pensava no planeta, agora planeta anão, como sendo um mundo completamente liso, sem nada, sem nenhuma surpresa para nos apresentar.

Mas quando a New Horizons passou por lá, nossa visão sobre Plutão mudou de forma definitiva.

Nas primeiras imagens o que chamou a atenção de todos foi o grande coração de Plutão, a hoje conhecida como Tombaugh Regio, em homenagem ao descobridor de Plutão Clyde Tombaugh.

Aliás esse vídeo no dia de hoje vem bem a calhar, pois hoje é o dia de nascimento de Clyde Tombaugh, se ele estivesse vivo iria completar 114 anos.

Além disso, Plutão possui uma atmosfera bem complexa, fina, porém complexa.

A atmosfera de Plutão é formada principalmente de nitrogênio com pequenas quantidade de monóxido de carbono e metano.

Além disso, existe uma grande quantidade de nitrog6enio confinada na Tombaugh Regio.

O lóbulo esquerdo do coração é conhecido como Sputnik Planitia, e ali, em 1000 km e 3 km de profundidade está a maior pare do nitrogênio de Plutão.

Já o lóbulo direito do coração de Plutão é composto por montanhas e por geleiras ricas em nitrogênio também.

Se já não bastasse toda a complexidade de Plutão, como presente de aniversário para Clyde Tombaugh, os pesquisadores descobriram mais uma.

O coração de Plutão tem um papel fundamental na circulação atmosférica que acontece no planeta anão.

Os pesquisadores pegaram os dados do sobrevoo de Plutão de 2015, e com isso, simularam o ciclo do nitrogênio.

Para isso eles usaram um modelo de previsão do tempo e puderam acessar como os ventos sopram na superfície.

Eles descobriram ventos de 4 km/h soprando para oeste.

Eles descobriram também uma forte corrente de ar que se move perto da superfície de Plutão.

O nitrogênio atmosférico condensado em gelo gera esse padrão de ventos.

Os grandes desfiladeiros da Sputnik Planitia aprisionam o ar frio dentro da bacia, onde ele circula, se torna mais forte à medida que passa para a região oeste.

Os ventos circulam na direção à rotação de Plutão, num fenômeno conhecido como retro-rotação.

À medida que o nitrogênio dentro da Tombaugh Regio vaporiza no norte ele se torna gelo no sul, seu movimento gera ventos para oeste.

Esse ciclo do nitrogênio durante o dia se vaporizar e durante a noite congelar é como se fosse a batida do coração de Plutão.

Em cada batida, o coração sopra esse vento gelado pelo planeta anão.

Vento esse que no dia de hoje serve para soprar as velas do seu descobridor Clyde Tombaugh.

Plutão, cada dia que passa se torna um mundo muito mais complexo.

Será que deve ainda ser chamado de planeta anão?

Polêmica!!!

Fontes:

[https://phys.org/news/2020-02-pluto-icy-heart.html]

[https://agupubs.onlinelibrary.wiley.com/doi/pdf/10.1029/2019JE006120]

#Pluto #ClydeTombaugh #SpaceToday

Написать комментарий

Комментарии

Комментариев нет.
RSS

Карта сайта и Video sitemap
Яндекс.Метрика